Imprimir  Voltar  Home 


  Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior - ANDES-SN


Data: 21/05/2014

Em dia nacional de paralisação das IFE, MEC cancela reunião com o ANDES-SN
 
No dia em que os docentes de diversas Instituições Federais de Ensino (IFE) paralisaram as atividades em defesa da pauta de reivindicações da categoria com atos nas universidades, panfletagem, passeatas e aulas públicas, a Secretaria da Educação Superior do Ministério da Educação (Sesu/MEC) cancelou a reunião agendada com o ANDES-SN para esta quarta-feira (21), alegando necessidade de viagem do secretário Paulo Speller.
 
“A reunião já estava agendada há cerca de um mês. Com essa atitude, o governo sinaliza desconsiderar a urgência da pauta, uma vez que colocamos claramente que o retorno da mesa de hoje seria levado para avaliação na reunião do Setor das Ifes, que acontece neste final de semana”, comenta a presidente do ANDES-SN, Marinalva Oliveira, ressaltando que na pauta da reunião dos docentes também está o indicativo de greve da categoria.
 
Marinalva avalia que há uma intensificação na mobilização dos docentes, que seguem atentos aos resultados das reuniões entre o Sindicato Nacional e a representação do MEC. “A categoria atendeu ao chamamento do para ampliar as atividades e seguir a agenda de mobilização proposta, que indicava esta quarta-feira como Dia Nacional de Paralisação em vigília à reunião que não ocorreu. Durante toda a semana estão ocorrendo assembleias na base para discutir o indicativo de greve, que será avaliado no final de semana”, explica.


Em ofício encaminhado à Sesu/MEC no início da semana, o ANDES-SN alertou sobre a importância de manutenção da agenda e ressaltou que por parte da entidade seria mantido o compromisso assumido.
 
Com o cancelamento da reunião, os diretores do ANDES-SN protocolaram um documento com os temas que foram priorizados pelo Setor das Ifes para continuidade da discussão sobre a pauta, cobrando resposta urgente do Mec.
 
Mobilização
Durante toda a quarta, os docentes realizaram atividades de mobilização por todo o país por condições de trabalho, em defesa da reestruturação da carreira docente, valorização salarial de ativos e aposentados e pelo respeito à autonomia universitária.
Em várias instituições foram protocoladas pautas locais de reivindicação, apontando aos reitores os problemas específicos de cada IFE. Seguindo a agenda deliberada pelo Setor das Ifes, até sexta-feira (23) serão realizadas assembleias para discutir a retomada da greve de 2012, apontando indicativo para paralisação.


Fonte: ANDES-SN


+71
|
-6
| Denunciar

0 comentários | 8212 visualizações | 77 avaliações

Comentar esta notícia