Entregadores de aplicativos fazem segunda paralisação no sábado (25)

Publicado em 25 de Julho de 2020 às 11h41

Depois da paralisação nacional histórica realizada no dia 1 de julho, os entregadores de aplicativos realizam uma nova greve neste sábado (25). A mobilização, chamada de Breque dos Apps, explicitou a superexploração e péssimas condições de trabalho às quais estão submetidos esses trabalhadores. 

O impacto da primeira manifestação foi tamanho que levou as empresas como Ifood, UberEats, Rappi, entre outras, a investirem ainda mais em propagandas para melhorar suas imagens junto aos consumidores. A expectativa é que o segundo breque tenha maior força por acontecer em um sábado, dia de maior concentração de pedidos por aplicativos.

Além da paralisação dos serviços, a população pode ajudar não utilizando os aplicativos no dia do Breque, divulgando a mobilização e as pautas em suas redes sociais e avaliando negativamente os aplicativos. 

Os entregadores reivindicam garantias mínimas de condições de trabalho, saúde e segurança. São demandas básicas, como alimentação; água; banheiro; valor mínimo por hora trabalhada, pagamentos recebidos e quilômetro rodado; fornecimento de equipamentos de segurança e EPIs; afastamento remunerado por motivos de saúde; vínculo empregatício; fim dos bloqueios injustificados nas plataformas; clareza nas regras de pontuação e avaliações. 

O ANDES-SN manifesta total apoio ao novo “breque” dos entregadores e chama toda a categoria a participar da mobilização e não fazer nenhum pedido por aplicativos nesta data. Toda solidariedade esses trabalhadores que têm protagonizado importantes lutas e exposto a o aprofundamento da precarização das relações de trabalho, na economia das plataformas.

Compartilhe...

Outras Notícias
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
EVENTOS