NOTA DA DIRETORIA DO ANDES-SN DE REPÚDIO AOS ATOS DE VIOLÊNCIA CONTRA OS PADRES DENNIS KLTZ E SISTO MAGRO, DA COMISSÃO PASTORAL DA TERRA DO AMAPÁ

NOTA DA DIRETORIA DO ANDES-SN DE REPÚDIO AOS ATOS DE VIOLÊNCIA CONTRA OS PADRES DENNIS KLTZ E SISTO MAGRO, DA COMISSÃO PASTORAL DA TERRA DO AMAPÁ

Publicado em 03 de Março de 2020 às 17h54

A Diretoria do ANDES-SN repudia os atos de violência cometidos contra os padres Dennis Kltz e Sisto Magro da Comissão Pastoral da Terra do Amapá (CPT-AP), ocorridos no dia 25 de fevereiro. Os missionários se deslocaram até as proximidades da fazenda São Sebastião, localizada na Comunidade de São Benedito da Campina/São Joaquim do Pacuí (Distrito de Macapá-AP), após denúncias de membro(a)s de comunidades da região, para certificarem se a ocupação da área possuía a placa de identificação com a data de validade do licenciamento para desmatamento.

Os missionários iriam realizar o registro fotográfico da placa, para fins de relatório, quando foram abordados por um indivíduo que se identificou como proprietário da fazenda, o mesmo agrediu fisicamente o Padre Dennis, e em seguida, chocou propositalmente seu veículo contra o carro da CPT, colocando em risco a vida dos missionários. 

A CPT realiza o registro de casos de violação de direitos  no campo, e em 2018, registrou crescimento no número desses casos  , em todos os itens avaliados, tais como: assassinatos, ameaças de morte, desrespeito ás leis trabalhistas, água, mineração; famílias expulsas e despejadas.

 A Diretoria do ANDES-SN se solidariza com o missionários agredidos e repudia toda e qualquer forma de violência e ameaça cometidas contra lutadores e lutadoras. Exigimos a garantia da integridade física do(a)s defensore(a)s dos povos do campo, das águas e das florestas, assim como o respeito ao direito deste(a)s viverem e produzirem em seus territórios.

 

Lutarnãoécrime

Brasília (DF), 03 de março de 2020

 

Diretoria Nacional do ANDES-SN

Outras Notas Politicas
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
EVENTOS