Semana termina com mobilização de mulheres negras e trabalhadores precarizados

Atualizado em 27 de Julho de 2020 às 15h41

Na mesma semana em que a Fiocruz alerta que alguns estados podem já estar iniciando 2ª onda da covid-19 e prevê até 3.000 mortes no RJ se aulas presenciais voltarem a partir de agosto, o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPEx) da Universidade Federal Fluminense (UFF) votou e aprovou a reorganização dos Calendários Escolar e Administrativo dos cursos de Graduação para 2020. As aulas da graduação serão retomadas, em formato remoto, no dia 14 de setembro. Saiba mais

Na quarta, o Brasil bateu novo recorde diário, registrando 67 mil novos casos; País soma agora mais de 2,2 milhões de infecções por coronavírus e é o que mais registra mortes diárias de covid-19 no mundo. No total, são mais de 84 mil óbitos registrados até agora, segundo o ministério da Saúde - que, ao invés de adotar medidas de prevenção à doença, decidiu não renovar o financiamento da principal pesquisa de prevalência, a Epicovid19-BR, realizada pelo Centro de Pesquisas Epidemiológicas da Universidade Federal de Pelotas (Ufpel). Leia aqui

Já em relação à PEC do novo Fundeb, o governo sofreu uma derrota na votação que queria desviar recursos da educação para programa de assistência social e ainda criar voucher para destinar verbas públicas para educação privada. Leia sobre

Se perdeu a live dessa semana, assista no canal do ANDES-SN no Youtube. O debate sobre Racismo estrutural e as políticas de segurança no Brasil, com o delegado da PC-RJ, Orlando Zaccone e a 1ª VPR do ANDES-SN, Qelli Rocha, e mediação de Erlando Rêses, foi excelente, confira.

Comemoramos na quarta (22) o centenário de um dos mais brilhantes sociólogos brasileiros. O ANDES-SN tem imenso orgulho de contribuir para manter vivo o pensamento de Florestan Fernandes, que continua atual e necessário nos dias de hoje, em que a Ciência e a Universidade têm sofrido fortes ataques por setores reacionários, com a publicação do livro UNIVERSIDADE  BRASILEIRA: REFORMA OU REVOLUÇÃO?, em parceria com a Editora Expressão Popular.

A live de quinta (23) contou com a participação de diversas Entidades Sindicais do Serviço Público e abordou as temáticas do Seminário do FONASEFE, que será realizado em breve. 

Segundo a Pnad 2019, mais da metade das pessoas com 25 anos ou mais não concluiu a Educação Básica. São 69,5 milhões de adultos que não concluíram uma das etapas educacionais que compreendem o ensino Infantil, Fundamental e Médio. Leia Mais

A semana termina com o novo breque dos apps, dessa vez realizado em um sábado (25), mesmo dia em que comemoramos o Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha. 

No Brasil, o dia também é em homenagem à Tereza de Benguela, que liderou o Quilombo de Quariterê após a morte de seu companheiro, José Piolho. Conforme documentos da época, o lugar abrigava mais de 100 pessoas, com aproximadamente 79 negros e 30 indígenas. O quilombo, localizado no Vale do Guaporé (MT), resistiu da década de 1730 até o final do século XVIII. Tereza foi morta após ser capturada por soldados em 1770.

Em um momento em que negras são as maiores vítimas de feminicídio no País; em que trabalhadores  informais e precarizados - a maioria, negros e pardos - têm seus direitos afrontados; e o povo brasileiro como um todo se vê privado de saúde, educação e respeito, os movimentos populares param as ruas para fazer com que voltemos a caminhar com dignidade.

Compartilhe...

Outras Notícias
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
EVENTOS