NOTA DA DIRETORIA DO ANDES-SN DE REPÚDIO ÀS DECLARAÇÕES MISÓGINAS EM REDE SOCIAL

NOTA DA DIRETORIA DO ANDES-SN DE REPÚDIO ÀS DECLARAÇÕES MISÓGINAS EM REDE SOCIAL

Atualizado em 16 de Outubro de 2020 às 11h59

O ANDES-SN é um Sindicato Nacional que compreende o combate ao machismo, ao racismo e à LGBTfobia como fundamental nas lutas de classe no Brasil. Nas suas instâncias deliberativas, o Sindicato aprovou resoluções que o coloca ao lado dos Movimentos Sociais que constroem as pautas como a legalização do aborto, a implementação da Lei de cotas raciais nos concursos públicos, na luta antirracista e na defesa da vida das mulheres, de negro(a)s, indígenas e da população LGBTQIA+. Tendo em vista o aumento da violência doméstica contra as mulheres e os crimes de feminicídio, e também o aumento da sobrecarga de trabalho nos ombros das mulheres em meio a pandemia, evidenciando as desigualdades de gênero que marcam o Estado brasileiro, o ANDES-SN não pode tolerar a reprodução da violência contra as mulheres nas Universidades, IF e CEFET.

Assim, o ANDES-SN manifesta o seu repúdio às declarações misóginas e violentas do professor do curso de Engenharia Elétrica da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), que usou as redes sociais para atacar e expressar seu ódio contra as mulheres, ao responder uma postagem de um grupo feminista da Universidade.

Em um país marcado pela violência e pelo desprezo aos direitos sexuais e reprodutivos das mulheres, pela institucionalização da dupla e até da tripla jornada de trabalho nos ombros das mulheres, a manifestação misógina, machista e violenta do Professor do Curso de Engenharia da UFCG evidenciou que nossas Instituições de Ensino ainda são atravessadas pelas desigualdades e pelo ódio ao que não é hegemônico: masculino, branco e cisheteronormativo.

O ANDES-SN se solidariza com as mulheres e coletivos feministas da UFCG. Estar nas Universidades, IF e CEFET estudando, pesquisado e exercendo a docência foi uma conquista das mulheres trabalhadoras e dos movimentos feministas! E não abriremos mão de uma universidade diversa, laica, antipatriarcal, antirracista, antissexista, anticapacitista, gratuita e pública!

 

 

#MachistasNãoPassarão

#AvidaAcimadosLucros

 

 

Brasília (DF), 15 de outubro de 2020

 

 

 

 

Diretoria Nacional do ANDES-SN

 

Outras Notas Politicas
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
EVENTOS